Fusca 62 – Uma meleca no dia seguinte

O trajeto entre o posto de lavagem e a oficina Speed Moska levou cerca de uma hora. Ao chegar lá vi que o cara realmente manda muito em carros antigos. Havia um Ford T Tudor 1919 e um Opala coupé 1976 6 cilindros sendo recuperados por lá, e claro, agora o Vovô.

A solução foi trocar o reparo completo da saída do tanque (também conhecida como bengala, cotovelo, etc.), levou cerca de 10 minutos.Ele verificou que não chegava combustível sequer na bomba (em parte, fiquei bem aliviado com esta notícia) e foi verificar o tanque.

E lá estava o problema.

A peneirinha de proteção da saída de combustível do tanque que impede a passagem de impurezas para o sistema de alimentação havia rasgado e uma espécie de geleia formada por gasolina velha e sujeira acabou entupindo a saída do tanque. Segundo Moska, pelo estado da peça, provavelmente a que estava no local era a de fábrica ainda.

Depois disso, o Vovô teve seu motor regulado e voltou a assoviar como de costume.

(ô\ ! /ô) – Mais fotos – (ô\ ! /ô)

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s